TEMPO - UM PRESENTE

TEMPO - UM PRESENTE


Precisamos do tempo para tudo: preparar o jantar, conversar com o amigo, aprender novas línguas, fechar o relatório etc., etc., etc. Para o americano Roger Merrill, especialista no assunto, administrar o relógio é um item tão essencial que mereceu um capítulo em seu livro Questões Fundamentais da Vida.

“Fazer as pazes com o tempo é fazer as pazes com a vida”, diz o especialista…Ele defende que lidar bem com o tempo é agir segundo valores e princípios éticos em vez de reagir a tudo o que vem em nossa direção com uma etiqueta de urgência pendurada. Aqui, algumas idéias para você aproveitar bem e melhor o tempo.

1 – o importante é o que faz sentido para você:

Todo dia precisamos lidar com uma centena de informações – a conta no banco, a família, o trabalho, os amigos –, e as 24 horas do dia parecem pouco para dar atenção a todos os detalhes. Mas, ao definir o que é mais importante: valores, ética, o que se deseja para a vida inteira, temos uma bússola para nos nortear nos momentos de indecisão. Quando você chega a essa essência, tudo se encaixa e a administração do tempo fica bem mais fácil.

2 – quando a urgência vira vício:

Quem não tem claros os próprios valores pode ser atropelado pela urgência e, conseqüentemente, acaba achando que apagar incêndios é um estilo de vida. Esse é um grande engano. O mais importante é dedicar mais tempo ao planejamento, a preparação, a diversão e ao cultivo das relações, mesmo que não pareçam urgentes.

3 – importância versus urgência:

Buscar as crianças na escola ou lidar com um cliente enfurecido são atitudes urgentes. Fazer os exames médicos de rotina ou antever as necessidades de um cliente, não. Os quatro itens, porém, entram na categoria de ações importantes – lógico que você deve fazer primeiro o que é urgente. Por outro lado, receber. visitas inesperadas no trabalho apesar de urgente pode não ser importante. Do mesmo jeito que correr entre atividades e eventos programados com a família, mas que não têm grande significado, é desnecessário. Classificar essas situações ajuda a entender o que nos rouba tempo.

4 – para esticar o tempo:

Aqui a dica é dedicar 5 minutos a alguma atividade que vá facilitar o dia seguinte. Olhe também para a semana à frente e dispense alguns minutos se planejando. Faça uma lista das suas responsabilidades e deixe à vista; mas não esqueça que é preciso haver flexibilidade caso não seja possível executar tudo.

(texto de Kátia Stringueto)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Thiomucase, o supositório que emagrece

Benefício em usar o supositório de Thiomucase!

Força de Vontade!