Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2012

A única coisa sobre a qual você exerce controle absoluto

Você só exerce controle absoluto sobre uma única coisa: seus pensamentos. Este é o fato mais importante e inspirador de todos os conhecidos sobre o ser humano! Ele lhe reflete a natureza divina. Esta prerrogativa divina é o único meio através do qual pode controlar seu próprio destino. Se não conseguir controlar a mente, pode ter certeza de que não controlará nada mais. Se tem de ser descuidado com suas posses, que seja com as coisas materiais. A mente é sua propriedade espiritual! Proteja-a e use-a com o cuidado a que a realeza divina tem direito. E lhe foi dada força de vontade par asse fim.

Infelizmente, não há proteção legal contra os que, por intenção ou ignorância, envenenam a mente dos outros com sugestões negativas. Essa forma de destruição devia ser punida com pesados castigos, porque tem o pode de destruir, e muitas vezes destrói, nossas possibilidades de adquirir coisas materiais que são protegidas por lei.

Pessoas de mente negativa tentaram convencer Thomas A. Edison de que …

Ganhar Dinheiro Agora

O que você deve fazer de dentro para fora

O que você deve fazer de dentro para fora 1- Pense sempre de forma positiva. Toda vez que um pensamento negativo vier à sua cabeça, troque-o por outro! Para isso, é preciso muita disciplina mental. Você não adquire isso do dia para a noite; assim como um “atleta”, treine muito.

2- Não tenha medo de nada e ninguém. O medo é uma das maiores causas de nossas perturbações interiores. Tenha fé em você mesmo. Sentir medo é acreditar que os outros são poderosos. Não dê poder ao próximo.

3- Não se queixe. Quando você reclama, tal como um ímã, você atrai para
si toda a carga negativa de suas próprias palavras. A maioria das
coisas acabam dando errado, começa a se materializar quando nos
lamentamos.

4- Risque a palavra CULPA do seu dicionário. Não se permita esta
sensação, pois quando nos punimos, abrimos nossa retaguarda para
espíritos opressores e agressores, que vibram com nossa melancolia.
IGNORE-OS.

5- Não deixe que interferências externas tumultuem o seu cotidiano. Livre-se de fofocas, comentários m…